Mais detalhes

Diagramação e Editoração

A diagramação consiste no processo pelo qual a publicação toma sua forma visual escolhida pelos editores, segundo as linhas fundamentais de planejamento gráfico, de acordo com os critérios pré-definidos para a área tema do periódico.

Se trata de um trabalho artesanal, pois trata cada aspecto do todo (periódico) e parte (artigos) com precisão e minucia, visando a identidade visual da publicação, distinguindo assim a mensagem específica de cada componente na mesma página e fascículo.

É neste processo que as imagens são inseridas no texto de forma adequada e mais pertinente à compreensão dos assuntos tratados, os títulos e demais elementos que compõe o texto serão formatados e dispostos coerentemente com os padrões e normas de publicação adotados, gerando-se então arquivo em alta resolução para impressão em gráfica, e versões para web como PDF web e ePub.

Produzimos a revista inteira, diagramando e editorando em softwares profissionais as versões em formato PDF web e PDF de alta resolução para impressão, além da versão ePub compatível com iOS e Android. Também realizamos a montagem do book da revista, enfim produzimos a revista de capa a capa, com anúncios, paginação, sumários, índice remissivo e todo o tratamento necessário nas imagens e gráficos, bem como fechamento dos arquivos para impressão conforme a gráfica preferida pelo cliente.

Temos também uma excelente opção para revistas que estejam no Scielo ou no Pubmed Central, pois a partir do XML, podemos fazer a diagramação completa em menos tempo, portanto com um preço melhor ainda. O único requisito para isto é que os artigos sejam completamente conferidos e aprovados antes da produção do XML, o que impacta um pouco no processo de trabalho, mas certamente a revista terá um ganho na velocidade de publicação e nos custos. Solicite uma proposta sem compromisso e venha para a GN1.

XML para SciELO, PMC e Redalyc

A GN1 produz o XML SciELO e PMC, com extrema qualidade e preços justos. Para a produção de XML compatível com o PMC e SciELO, a GN1 dispõe de equipe especializada, treinada e certificada pelo SciELO desde 2007 e PMC desde 2011, na preparação de arquivos em formato XML de acordo com as normas destes indexadores.

A produção dos arquivos em padrão XML exige que o periódico forneça os arquivos seguindo alguns critérios e exigências de qualidade, em especial a alta resolução das imagens (300 dpis) e gráficos compostos (900 dpis) dentre outras características importantes. O formato dos arquivos podem ser os mais diversos, dentre eles: Indesign, Pagemaker, Word, Quark, PDF, etc.).

A GN1 presta toda assessoria de modo a atender todos os pré-re quisitos necessários para que seu periódico seja aprovado do ponto de vista técnico e de normatização. Enviamos os arquivos XML ao PMC, SciELO e outros, tanto do primeiro lote de avaliação como das edições regulares. Caso o periódico ainda não esteja indexado, estaremos à disposição para os auxiliar no pedido de avaliação e indexação, portanto, em todas as etapas podem contar conosco.

Atualmente a temos vários periódicos aprovados e mantidos no PMC, assim nos sentimos a vontade em afirmar que sua revista estará nas mãos dos melhores especialistas no assunto.


Conversão e marcação HTML

A GN1 realiza o serviço de conversão e marcação na metodologia antiga do Scielo, e ainda em uso por alguns indexadores. Caso sua revista esteja indexada em algum portal que utilize a metodologia HTML-SGML DTD SciELO, nós produzimos também os arquivos neste formato.

Além disto, preparamos tudo, enviamos ao Portal indexador e garantimos qualidade total.


Arquivos eBook e ePub

O ePub foi criado por um consórcio de empresas chamado IDPF - International Digital Publishing Forum, entre elas Sony, Adobe, Microsoft, grandes editoras norte-americanas e inglesas. Tem como um de seus princípios básicos a padronização e democratização de acesso aos e-books com facilidade e em diversos aparelhos.

O ePub através dos eReaders disponíveis no mercado (iPad, iPhone, Kobo, Kindle, etc.) possibilita o aumento do tamanho da fonte e o ajuste da dimensão das páginas de acordo com o dispositivo utilizado para leitura, adequando o e-book às necessidades do usuário.


Atribuição de DOI no CrossRef

A GN1 é filiada ao Crossref com prefixo próprio (10.5935) e está habilitada a atribuir o DOI Digital Object Identifier para artigos científicos de qualquer periódico.

A vantagem que oferecemos é a rapidez na geração do DOI e com isto o periódico poderá publicar a versão em papel ou PDF já com o devido DOI de cada artigo, facilitando e até aumentando as citações e visualizações dos artigos. Conheça nossos serviços de atribuição de DOI e fique tranquilo, pois uma equipe profissional irá te atender com toda a velocidade e qualidade que sua revista merece.

Dupla resolução: Esta opção tem sido usada por cada vez mais revistas científicas, pois ao clicar no link do DOI ele direciona para um serviço do CROSSREF onde aponta tanto para o site da revista como para o SciELO.


Verificação de Plágio

Baseado no iThenticate é uma iniciativa do Crossref para ajudar seus membros a participarem ativamente dos esforços para prevenir o plágio acadêmico e profissional.

Embora existam várias ferramentas de rastreio de plágio disponíveis, elas não são bem adequadas para filtrar conteúdo acadêmico, simplesmente porque elas não tiveram acesso aos textos completos relevantes para detectar corretamente.

Crosscheck verifica e registra as alterações nos artigos, com isso cria e alimenta continuamente uma base de dados de literatura acadêmica em todas as áreas do conhecimento científico. O uso da ferramenta é de fácil compreensão, e pode ser usado diretamente pelos editores da revista, para isto a GN1 oferece pacotes de créditos, para que as revistas acessem diretamente estes incrível sistema de consulta e proteção contra plágio. Tudo num lugar só, a GN1 tem este objetivo, atender sua revista de ponta a ponta. Venha pra GN1.


Assessoria para Indexação

Quanto maior a facilidade em localizar artigos de um periódico científico, maior a possibilidade de fidelizar leitores e maiores as chances de ser citado em uma pesquisa. Com este propósito muitas revistas científicas procuram disponibilizar seus artigos, resumos, ou textos completos no maior número possível de indexadores.

A GN1 se especializou na manipulação dos artigos científicos de acordo com os padrões estabelecidos por cada uma destas bases. Normalmente o formato XML com personalizações, é o mais utilizado. Para revistas na área da saúde e ciências da vida o Medline aceita resumos dos artigos com link para o texto completo. O Medline foi criado e é mantido pela Biblioteca Nacional de Medicina (NLM) do Instituto Nacional de Saúde (NIH) dos Estados Unidos.

O DOAJ, Directory of Open Access Journals, é uma alternativa para revistas de acesso aberto que desejam disponibilizar seus resumos para consulta. Trata-se de uma iniciativa da Universidade de Lund na Suécia que recebeu adesão de diversas editoras e outras universidades para a promoção da iniciativa do open access (acesso aberto).

Há também, um consenso na comunidade científica sobre a importância de revistas adotarem a prática de publicação de seus artigos em repositórios digitais de preservação permanente tal como o Pórtico, onde facilmente a revista pode se associar, para em seguida a GN1 prover conteúdo conforme os padrões solicitados.

Por fim, a GN1 se especializou na formatação e envio de artigos no padrão requerido pela Universidad Autónoma del Estado de México (UAEM) para o Redalyc.


Revisão Gramatical

As normas são os padrões que permitem que em qualquer lugar do mundo e em qualquer suporte, físico ou digital, um texto possa ser facilmente identificado, como um livro, uma revista, um artigo, uma tese, entre outros.

A verificação e correção dos erros ortográficos e gramaticais de acordo com as regras dos idiomas adotados pelo periódico, é um processo onde fazemos a conferência das citações de tabelas, gráficos e imagens minuciosamente, para preservar a coerência das citações.

A revisão ortográfica e gramatical no idioma português é feita por profissionais brasileiros especializados. De igual modo as revisões ou traduções ao inglês e espanhol são realizados por uma empresa parceira nos EUA, que realiza este trabalho com extrema qualidade e no idioma nativo, sendo, portanto, de ótima aceitação perante os indexadores internacionais.

A normalização consiste na verificação dos artigos e se necessário, correção dos textos científicos e referências bibliográficas em consonância com as regras adotadas e aplicáveis pelo periódico, tais como ABNT, APA, VANCOUVER, etc.


Digitalização de Livros e Revistas

Uma equipe especializada e de rigorosos técnicos é responsável pelo processo de digitalizar os exemplares originais, com equipamentos especiais de alta resolução, que resulta em um trabalho de altíssima qualidade e fidelidade aos originais. O processo de digitalização pode ser realizado com a desmontagem de fascículos em duplicata, ou sem a desmontagem em exemplares raros, com todo cuidado, zelo e precauções necessárias, preservando da melhor forma os exemplares únicos e de valor inestimável. Após a digitalização é realizado o reconhecimento dos textos (OCR) através de softwares profissionais e em seguida, nossos revisores altamente treinados executam uma minuciosa, atenta e cuidadosa conferência de todos os textos que compõem o acervo trabalhado, garantindo a máxima fidelidade com o original impresso.

Como funciona o processo de digitalização:

  1. Todo material recebido é conferido, listado, examinado e catalogado;
  2. Técnicos especializados realizam diversos testes para encontrar o melhor e mais fiel resultado;
  3. Através de equipamentos profissionais técnicos e de alta capacidade, executam o processo de scaneamento dos exemplares, preservando suas características originais e estado de conservação;
  4. Os fascículos em formato digital de imagem são transformados em documentos de textos com o processo de OCR;
  5. É executado então, minuciosa conferência dos textos e caracteres em comparação com os originais impressos, zelando pela mais alta fidelidade dos textos;
  6. Os acervos finalizados e transformados em PDF são enviados aos clientes em mídias personalizadas e com mecanismos de busca avançada.